Você conhece quem é seu Cliente?

Conhecer o seu Cliente é fundamental para vender um produto, pois sabendo do que ele gosta, onde encontrá-lo, e qual sua maior necessidade, bastaria apenas colocar em sua frente, a imagem do produto. E pronto!

Ma se fosse tão fácil você não estaria aqui lendo esse texto, certo? Errado! Porque é muito fácil. Acompanhe o meu raciocínio:

Geralmente, nós artesãs encontramos soluções onde a maioria das pessoas não imaginaria ter. Um exemplo disso são os puxas sacos de lixos que penduramos na cozinha. Ele inicialmente foi inventado por alguém que teve a necessidade de organizar os sacos na cozinha. A idéia foi tão bacana que, posteriormente, foi copiado pela indústria.

Portanto, se você que é artesã pensou e produziu algo útil para você e quer vender esse produto basta começar vendendo para você mesma.

Compliquei? Então vou simplificar. Pessoas como você, que tem os mesmos gostos, uma rotina de vida parecida com a sua, e vai nos lugares que você provavelmente iria, poderão gostar do seu produto. 

Portanto, comece vender os produtos para você!

Para quem está buscando a sua tribo de artesãs empreendedoras vai adorar saber que acabamos de criar uma página no facebook que leva a uma comunidade: ARTESANATO EM MOVIMENTO.

O ARTESANATO EM MOVIMENTO é um lugar onde possamos nos ajudar mutuamente, com dúvidas dentro da área do artesanato, técnicas, dores de mercado, como também de empreendedorismo e negócio.

Venha com a gente porque lá temos orgulho de sermos artesãs.

Clique no link para entrar na página.
Clique no link para entrar na comunidade.
Clique no link para entrar no grupo de WhatsApp.

Esperamos você lá,

Andrea Tomotani



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Azul Céu Design e Festas

Sou Andrea, designer a mais de 15 anos, mãe dos trigêmeos mais amados do mundo e fundadora da Azul Céu, design e festas. Incomodava tudo ser jogado no lixo após as festas. Então pensando também em nossa economia atual acabei transformando os produtos de decoração das festas em algo reutilizável. E surgiu a técnica com toda essa identidade de textura e cores. E que é impossível vê-las no lixo. Do papel à transformação – do Descartável para o Reutilizado. Das festinhas para o quartinho.

Banner
Categorias
Recent Posts

Curso de Crumpled Paper: Aprenda a fazer uma mini festa linda! – 10 peças para tema Mar e Espaço

Inspire-se com a Festa do Vittor e Patrulha Canina

Inspire-se na decoração na caixa Lhama da Antônia

Parceria no artesanato

Você conhece quem é seu Cliente?

Novidades